Evangelho 27/05/2020

7ª Semana da Páscoa  – Quarta-feira
Evangelho (Jo 17,11-19)

Naquele tempo, Jesus ergue os olhos para o céu e rezou, dizendo “Já não estou no mundo, mas eles estão ainda no mundo; eu, porém, vou para junto de ti. Pai santo, guarda-os em teu nome, que me encarregaste de fazer conhecer, a fim de que sejam um como nós.
Enquanto eu estava com eles, eu os guardava em teu nome, que me incumbiste de fazer conhecido. Conservei os que me deste, e nenhum deles se perdeu, exceto o filho da perdição, para que se cumprisse a Escritura.
Mas, agora, vou para junto de ti. Dirijo-te esta oração enquanto estou no mundo para que eles tenham a plenitude da minha alegria.
Dei-lhes a tua palavra, mas o mundo os odeia, porque eles não são do mundo, como também eu não sou do mundo.
Não peço que os tires do mundo, mas sim que os preserves do mal.
Eles não são do mundo, como também eu não sou do mundo.
Santifica-os pela verdade. A tua palavra é a verdade.
Como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
Santifico-me por eles para que também eles sejam santificados pela verdade”.
— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Padre Geraldo de Paula, Missionário Redentorista, pároco da Igreja Nossa senhora do Perpétuo Socorro, Jd. Paulistano São Paulo.